17 de ago de 2012

Prestando contas




O trabalho não pode parar. As sessões na Câmara continuam, mesmo no período eleitoral. A seguir, a produção legislativa desta semana, com requerimentos de informação e indicação. Trabalhar pelo cidadão é o que os cariocas esperam de seus representantes.

Quem passa pela Avenida Professor Manuel de Abreu, atrás do Hospital Pedro Ernesto, em Vila Isabel, sente um forte mau cheiro. Um olfato mais atento logo descobre de onde emana o fedor: do rio Joana, que divide as pistas da avenida. Em vez de ir para a rede coletora normal, o esgoto corre para o curso d’água, deixando claro que há despejo clandestino. Para tentar diminuir os danos ao ambiente da região, apresentei uma indicação para que a Fundação Rio-Águas faça uma inspeção no local. As condições normais do rio precisam ser recuperadas para que a população volte a ter um local mais saudável. 

Os contratos de terceirização na rede pública de saúde são como uma grande caixa-preta e ninguém consegue saber ao certo o quanto está sendo gasto, nem a quem cobrar resultados. Por esse motivo, encaminhei requerimento de informações à Secretaria Municipal de Saúde, para descobrir que empresas foram contratadas e que serviços estão inclusos nesses contratos, em diversas unidades hospitalares da cidade, como os hospitais Ronaldo Gazolla, também conhecido como Hospital de Acari, Souza Aguiar, Paulino Werneck, da Piedade, entre outros.  

Os impactos decorrentes das obras para a implantação dos corredores BRT na cidade são pouco conhecidos da maioria dos cariocas. Encaminhei um requerimento de informações à Secretaria Municipal de Transportes para tentar conhecê-los. Foram elaborados um estudo e um relatório de impacto de vizinhança, conforme estabelece a Lei Orgânica do Município. A Secretaria tem 30 dias para responder. Estamos de olho!

Uma obra de alguma concessionária de serviços públicos; ou vários caminhões de entrega, carros, ônibus ou vans; podem ser também vendedores ambulantes. Não importa os agentes, quem sofre são as calçadas da cidade e, consequentemente, os pedestres. Com o objetivo de cobrar providências da prefeitura, apresentei requerimento de informação à Secretaria Municipal de Conservação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário