7 de abr de 2012

Destaques da Semana - 2 a 6 de abril

Um dos assuntos abordados nesta semana nos pronunciamentos do vereador Dr. Edison da Creatinina foi o estado da saúde no município. Ele criticou duramente as brigas políticas para ocupar postos chave na administração de hospitais e as mortes por suspeita de oxigênio contaminado no Hospital Municipal Salgado Filho. Para o parlamentar, mais do que UPAs e Clínicas da Família, a Prefeitura precisa cuidar melhor da infraestrutura existente.

Outro tema em destaque foi o serviço 1746 da Prefeitura, alvo de constantes reclamações por parte dos usuários. Dr. Edison da Creatinina citou o relato de uma leitora do jornal O Globo, que pela terceira vez tentava denunciar, através do serviço 1746, o péssimo estado de conservação de um poste no Flamengo. "É inadmissível que levem tanto tempo para atender a uma solicitação", protestou. O parlamentar afirmou também que, apesar de ser uma boa iniciativa, o serviço precisa melhorar, a ponto de solucionar 100% das solicitações.

O vereador também esteve reunido com o Conselho Comunitário da Área Integrada de Segurança Pública da Tijuca (6ª Aisp) e  lideranças comunitárias da região. Em pauta, o debate de soluções para a área da segurança pública e melhorias dos serviços oferecidos à comunidade. O vereador Dr. Edison da Creatinina foi convidado a dar uma palestra sobre saúde renal e apresentou uma aula, para aproximadamente 50 pessoas, sobre a história dos transplantes, enfatizando a necessidade da realização do exame de creatinina, importante marcador que revela o funcionamento dos rins. Para o parlamentar, todo cidadão deveria consultar um nefrologista para conhecer a situação de saúde dos rins, órgão que, em muitos casos, adoece sem provocar dor.

A crise ambiental na cidade do Rio de Janeiro e seus impactos na vida das pessoas foram objeto de palestra na ONG Defensores da Terra. Com a participação do secretário estadual de Meio Ambiente Carlos Minc, o encontro contou, ainda, com a presença do vereador Dr. Edison da Creatinina e de representantes de entidades ligadas à área. Em discussão, a busca por soluções para a correta destinação do lixo na cidade e o reaproveitamento dos resíduos como fonte de energia e matéria-prima para outros produtos, aliviando o meio ambiente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário